Sikêra Jr pode sair da TV graças a processo movido por Xuxa Meneghel; entenda

 Xuxa Meneghel e Sikêra Jr
Sikêra Jr pode sair da TV graças a processo movido por Xuxa Meneghel; entenda (Imagens: Reprodução – Instagram / Montagem – RD1)

Em seus programa na RedeTV!, Sikêra Jr já acusou Xuxa Meneghel de fazer apologia às drogas, a chamou de pedófila e insinuou que ela estimula comportamentos sexuais nas crianças. A apresentadora resolveu tomar mais uma atitude, com outro processo que inclusive pode tirar o rival da televisão e cassar o registro de jornalista.

Uma ação foi protocolada na Vara Cível do Foro Regional de Santo Amaro, em São Paulo, no dia 27 de outubro, pedindo uma tutela de urgência ao caso, alegando que o apresentador fornece riscos à sociedade. Além disso, de acordo com o Notícias da TV, Xuxa pediu uma indenização de R$ 500 mil, que será destinada a instituições de caridade.

Os advogados da loira formaram um longo argumento para alicerçar a tese que Sikêra comete crimes diariamente na TV, especialmente no Alerta Nacional. Como exemplos, foram citados momentos que denotam homofobia, transfobia, preconceito, acusações sem provas, comemoração da morte de pessoas e normalização da zoofilia.

Sobre esse último item, Sikêra Jr noticiou um vídeo de um homem estuprando uma égua, mas ao invés de repreender, fez humor com o fato e ainda chamou membros de sua equipe para simular a cena. Xuxa ficou revoltada com a situação, na época, e fez várias publicações em seu perfil do Instagram, até mesmo convidando famosos para recriminar a zoofilia.

O jornalista também revoltou a apresentadora ao sugerir que ela propagou o uso de drogas, quando ela citou que sua mãe, Alda Meneghel (que faleceu em 2018), usava maconha medicinal para amenizar os efeitos de uma doença degenerativa. A mãe de Sasha Meneghel também ouviu do desafeto que incentivava “safadeza, putaria e suruba” entre crianças, por causa do lançamento do livro Maya, O Bebê Arco-íris, de uma garota com duas mães: “Cuidado com teu filho, cuidado com tua filha. A mesma que fez um filme nua com uma criança de 12 anos. Ex-rainha, eu quero dizer para você que pedofilia é crime e não prescreve”, disse o apresentador em 23 de outubro“.

Com esse compilado de acusações, a defesa de Xuxa Meneghel alegou na justiça que “o conteúdo exibido e prolatado pelo requerido é calunioso e está causando danos à imagem da autora [Xuxa], com repercussão negativa nas redes sociais, inclusive prejudicando seus negócios, que são relacionados à sua imagem, atingindo sua honra e dignidade“.

Ao afirmar que tais comentários “não se tratam de liberdade de expressão, mas de abuso de direito“, a ação tem o intuito de tirar Sikêra Jr do ar “por causar ofensas não só a autora como diversas pessoas“. O primeiro tópico da lista de Xuxa sugeriu uma demissão do apresentador da RedeTV! ou o fim do Alerta Nacional, senão estariam sujeitos a uma multa diária de R$ 20 mil por episódio. O segundo ponto pede a cassação do título de jornalista e outra penalidade pelo Código de Ética dos Jornalistas Brasileiros.

Falando da indenização de meio milhão de reais que foi solicitada, as instituições que seriam beneficiadas são as seguintes: Associação Lar Acolhedor Tia Socorro (Belém – PA) e Instituto de Assistência à Criança e ao Adolescente Santo Antônio (Manaus – AM).

CONTINUE LENDO →

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com