Tatá Werneck ataca de conselheira amorosa e rende momentos engraçados com fãs

Tatá Werneck
Tatá Werneck ataca de conselheira amorosa e rende momentos engraçados com fãs (Imagem: Reprodução / Instagram)

Tatá Werneck se acostumou em abrir a caixinha de perguntas no Instagram, respondendo perguntas dos seguidores, seja de forma séria ou bem humorada. Dessa vez a famosa tirou o dia para dar alguns conselhos amorosos e rendeu momentos bastante engraçado.

Uma internauta contou que o namorado o deixou e falou mais de seu problema: “Simplesmente sumiu por duas vezes e mesmo assim quero ele”. Tatá mandou a real, desestimulando esse namoro: “Essas relações são extremamente maléficas e prejudiciais. Você nunca vai ser feliz numa relação assim”.

Outra pessoa quis saber o que não deveria fazer no sexo e a resposta foi bastante inusitada: “Cocô, eu espero”. Também fizeram o seguinte pedido para a mulher de Rafael Vitti, que por sinal foi atendido: “Me anuncia com sotaque gaúcho pra eu conseguir um crush gaúcho”.

A atriz brincou ao dizer que tenho uma tatuagem na parte íntima, quando falaram do assunto: “Eu tenho uma escrita ‘entrada pelos fundos’”. Pediram uma sugestão de cantada e Tatá Werneck ousou: “Seu p#u mede quanto? Gente, do tamanho do meu c#”.

Tô apaixonado por um cara que namora. Como saber se ele gosta de mim?”, disparou um fã. A mãe de Clara Maria foi bem direta: “A resposta é não, ele namora”.

Outra seguidora anônima desabafou o próprio problema: “Estou ficando com um menino há 7 meses, mas ele ‘não está pronto pra namorar ou ter algo sério’. O que acha?”. Tatá veio com a própria teoria para a enrolação do moço: “Não está apaixonado o suficiente, está vendo se acha algo melhor”.

Por fim, teve uma menina que expôs sua paixão platônica: “Desde que eu tinha 11 anos de idade, eu sou apaixonada por um garoto. Será que eu tenho problemas?”. Com seu jeito irreverente, a apresentadora do Lady Night brincou: “Dos 11 aos 16, isso é normal. Dos 16 aos 21, é obsessão. Dos 21 em diante, você é trouxa”.

Matheus Henrique Menezes
Oficialmente redator desde 2017. Experiências como editor e social media. Já escrevi sobre famosos, TV, novelas, música, reality show, política e pauta LGBTI+. Vídeos complementares no YouTube, no canal Benzatheus.
Veja mais ›