Top Five: Relembre 5 brigas que marcaram programas de TV

João Gordo “contribuiu” com essa matéria (Imagem: Divulgação / Record)

“Televisão ao vivo é a oficina do Diabo”. Com esta fase de Marcelo Tas no comando do extinto “CQC”, da Band, iniciaremos a coluna de hoje falando sobre as brigas que marcaram a TV brasileira. Algumas ao vivo, outras gravadas, mas todas entraram para os anais da televisão. Selecionei cinco tretas que deram o que falar.

1 – Paulo Soares x José Trajano

Essa confusão aconteceu no programa “Linha de Passe: Mesa Redonda”, na ESPN Brasil. Após uma discussão de ideias entre Paulo Soares e José Trajano, este levanta e abandona a atração no ar.

“Eu não vou falar mais do Palmeiras aqui. Com todo o respeito ao Palmeiras”, disse Trajano. “Eu quero falar do Figueirense… Você não deixou”, disparou Soares. Em seguida, Trajano retrucou: “Não! Quero falar de outras coisas. Tem o torcedor do São Paulo, Corinthians, Flamengo…”. “Ah, vamos falar, ué!”, respondeu Soares.

José Trajano, por sua vez, comentou: “Depois eu sou o mal-humorado, pô!”. “Então eu também tô indo embora porque eu já tinha separado tanta coisa pra falar…”, finalizou Paulo Soares.

2 – Repórter Vesgo x Netinho x Victor Fasano

Durante as entrevistas do repórter Vesgo (Rodrigo Scarpa) para o “Pânico”, alguns artistas não digeriram bem as piadas feitas pelo humorista e decidiram, ao invés de ignorá-lo, agredi-lo.

Um caso desses foi com o [sumido] apresentador Netinho de Paula que resolveu dar um soco em Vesgo durante um evento em São Paulo. Após uma piada, Netinho desferiu um murro em Scarpa e ainda bradou no palco do evento que havia agredido o humorista. “E aí, Netinho, quer dizer que você vai abrir seu canal pra todo mundo?”, perguntou Vesgo para Netinho, que respondeu com o soco.

O que pouca gente sabe é que a mesma piada feita por Vesgo em 20 de novembro de 2005, originando a agressão na TV, foi uma repetição de outra feita na rádio Jovem Pan FM, em 2004. Na ocasião, a piada foi feita pela personagem Mano Quietinho, interpretado por Vinícius Vieira.

Recentemente, Netinho sentiu o peso de toda a confusão no bolso e declarou arrependimento pela agressão. “Eu me arrependi de ter dado o soco. Eu não deveria ter feito aquilo. [Mas] o Vesgo foi indelicado. Era o Dia da Consciência Negra. O que era isso para ele? Nada. O que ele fez não tem nenhum problema. Já o soco tem. O soco é uma agressão. No Brasil tem disso”, desabafou.

“Ele nunca foi o meu amigo. Eu paguei muito caro pelo soco. Paguei 40 mil [de indenização]“, acrescentou Netinho durante o quadro “Pra Quem Você Tira o Chapéu”, do “Programa Raul Gil.

Alguns anos depois, Vesgo entrevistou Netinho e tudo acabou resolvido diante das câmeras, todavia, os processos judiciais que um move contra o outro seguem.

Com Victor Fasano, Vesgo também levou um tabefe durante um evento em São Paulo. No início do “Pânico na TV”, ainda nem tão conhecidos na RedeTV!, Vesgo e Silvio (Wellington Muniz) ficavam nas portas dos eventos para entrevistar os artistas. Ao fazer uma piada de duplo sentido com o ator, Fasano não hesitou em desferir um tapa contra Vesgo. Anos mais tarde, Vesgo e Victor se reencontraram em uma entrevista e o caso foi selado com paz.

3 – Jorge Kajuru x Mario Soares (pugilista)

O apresentador Jorge Kajuru recebeu em sua atração “Esporte Total”, na Band, o pugilista Mario Soares, conhecido como Marinho. Durante a entrevista, ao vivo, Kajuru criticou a atuação do lutador durante um confronto em que seguiu agredindo o adversário desmaiado. O apresentador disse que Marinho era “covarde”.

Sem pensar duas vezes, o atleta foi tirar satisfações com o jornalista e partiu para cima de Kajuru sem se importar com a atração que era exibida ao vivo. A turma do “deixa disso” precisou intervir para que as vias de fato não acontecessem.

4 – Dado Dolabella x João Gordo

A briga do século na TV é a confusão envolvendo Dado Dolabella e João Gordo, na extinta MTV Brasil. Na ocasião, em 2003, Dado lançava um CD e foi ao programa do VJ, “Gordo a Go Go”, divulgar seu trabalho.

O apresentador iniciou a entrevista fazendo muitos trocadilhos e piadas com o trabalho de Dolabella que, em determinado ponto da conversa, disse que tinha algumas coisas para mostrar ao público. Dado, então, sacou uma mala cheia de objetos de corte e quebrou um pedaço da mesa da atração.

Revoltado, João quis partir para cima do cantor, mas a turma da produção resolveu intervir e separar a dupla. Até hoje, 15 anos depois, o assunto volta à tona quando João Gordo dá entrevistas a veículos de comunicação.

5 – Clodovil x Cacá Rosset

Outro momento único da TV brasileira aconteceu na Record, durante o “Show do Tom”, entre o falecido apresentador Clodovil Hernandes e o ator Cacá Rosset. A confusão aconteceu no embalo da polêmica entre Clodovil e o “Pânico na TV”, para que Hernandes calcasse as Sandálias da Humildade.

Esnobando o “Pânico”, Clodovil aceitou participar do programa de Tom Cavalcante após sair da RedeTV! devido às polêmicas com a turma liderada por Emilio Surita. Pleiteando uma vaga na Record, ex-deputado esteve no quadro em que respondia perguntas sobre diversos assuntos e acabou discutindo com um dos integrantes, Rosset. Chamado de “desequilibrado”, Clodovil reagiu.

“Já ouvi você falar mal da Record. Já ouvi você falar mal da Sonia Abrão. Já ouvi você falar mal do Johnny Saad [dono da Rede Bandeirantes de Comunicação]“, disparou Cacá contra Clodovil.

BÔNUS – Luxemburgo x Marcelinho Carioca

“Você é um moleque, você é safado”, disse Wanderley Luxemburgo para Marcelinho Carioca durante o programa “Por Dentro da Bola”, comandado por José Luiz Datena na Band, em 2007.

A confusão começou quando Marcelinho fez elogios ao técnico Emerson Leão. Luxemburgo, por sua vez, iniciou sua fala de mansinho, mas logo mostrou que também era um leão nas palavras.

Saiba Mais:

Chapolin Colorado: desastrado ou anti-herói? Descubra algumas curiosidades do seriado mexicano

Relembre 10 programas infantis que marcaram os anos 1980 e 1990 na TV brasileira

Confira 20 bordões que deram o que falar nas novelas brasileiras

Veja 14 personagens que saíram dos desenhos para a vida real

_____________________________________________

Reuber Diirr é jornalista formado pela Universidade Federal do Espírito Santo com especialidade no entretenimento de TV. Atuante em sites sobre Televisão, Reuber já passou por emissoras como a Record News Espírito Santo e a TV Gazeta, afiliada da Globo no ES. Curioso e ligado em assuntos nostálgicos, Reuber trará temáticas que relembrarão os meandros da televisão brasileira na coluna “TV Nostalgia”, publicada aos domingos no RD1. Siga-o no Twitter, Instagram, Facebook, Snapchat e YouTube em @reuberdiirr.

_____________________________________________

É formado em jornalismo pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Com passagens pela Record News ES e TV Gazeta (Globo/ES), cobre entretenimento de maneira divertida e leve. No RD1, acompanha as coletivas de imprensa com matérias exclusivas e vídeos com os artistas. Além disso, produz vídeos com as principais informações dos famosos para o Instagram, Twitter, Facebook e Youtube do RD1. Acompanhe os eventos com famosos clique aqui!

WordPress Lightbox