Viúva de Chico Anysio sai da UTI e segue tratamento em quarto

Chico Anysio
Viúva de Chico Anysio segue tratamento contra a covid em quarto (Imagem: Reprodução/ Instagram)

Malga Di Paula, viúva do ator Chico Anysio, está se recuperando bem da covid-19 e deixou a UTI (Unidade de Terapia Intensiva) nesta quarta-feira (28). A informação foi confirmada pela família da escritora em suas redes sociais.

“Malga Di Paula apresentou melhora clínica e deu alta da UTI na última quarta-feira, 28 de julho. A empresária e escritora continua internada, agora no quarto, para continuar seu tratamento e recuperação da Covid-19 no Hospital das Clínicas de Passo Fundo”, disse a nota.

O comunicado seguiu: “Dona Udila, mãe de Malga que estava na UTI do Hospital São Francisco de Paula, em Parobé, foi transferida para o quarto no Hospital São José, em David Canabarro”.

“Esperamos que ambas continuem a recuperação no seu tempo e que logo voltem cheias de vida e saúde para casa. Desejamos melhoras a todas pessoas afetadas por esta e outras doenças. Nossas orações também são por vocês!”, afirmou ainda a família de Malga Di Paula.

A postagem no Instagram completou: “A família de Malga e Dona Udila gostaria de agradecer a toda equipe médica dos hospitais e amigos pelas orações que seguem cuidando das nossas guerreiras”.

Por fim, os familiares da viúva de Chico Anysio alertou os seguidores dizendo que a “pandemia ainda não acabou”. “Vamos lembrar sempre de seguir com os protocolos de prevenção da Covid-19, eles salvam vidas.”

Cabe lembrar que Malga di Paula e Chico foram casados por 15 anos até a morte do artista em 2012. Em 2013, a empresária se casou com Felipe Batista, mas os dois se separaram no ano passado. Em rede social, ele compartilhou uma foto desejando melhora à ex-mulher.

Em abril passado, a escritora fez uma homenagem em seu perfil do Instagram para o humorista na data em que ele completaria 90 anos se estivesse vivo. “Meu Deus, como eu gostaria que você estivesse aqui pra comemorarmos juntos esta data. @chicoanysio você poderia perfeitamente estar aqui, não fosse ter fumado durante muito tempo. Você mesmo dizia, que fumar era a única coisa da qual se arrependia durante toda a vida”, iniciou.

“Sim, estaríamos juntos comemorando esta data como estivemos durante os últimos 14 anos de sua vida e estaríamos felizes como fomos desde o dia que nos conhecemos. Meu amor, apesar da sua ‘morte’ você nunca me abandonou. Toda vez que preciso de força vou buscá-la na sua eterna energia e sempre sinto sua presença amorosa cuidando de mim, exatamente como sempre fez”, afirmou Di Paula.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›