Web debocha de Datena e Luiz Bacci após Lázaro ser capturado no horário do Mais Você

Datena
Datena e Luiz Bacci viram alvo de deboche após Lázaro ser preso no horário do Mais Você (Imagem: Reprodução – Instagram / Montagem – RD1)

Os jornalísticos de José Luiz Datena e Luiz Bacci, da Band e Record, respectivamente, se debruçaram nas buscas por Lázaro Barbosa nas últimas semanas. Porém, de forma surpreendente, a polícia encontrou o criminoso – que morreu após ser baleado – na manhã desta segunda-feira (27), em pleno horário do Mais Você, da Globo.

Ana Maria Braga foi uma das primeiras a noticiar na TV aberta a prisão e morte do bandido. Por isso, muitos internautas não deixaram passar e zoaram os apresentadores dos canais concorrentes por perderem o furo televisivo para a artista da Globo.

“Bacci e Datena tavam apelando tanto na cobertura do caso Lázaro e ele foi capturado bem na hora do café da Ana Maria Braga”, disparou um internauta. “Perder o furo da prisão do Lázaro pra Ana Maria Braga”, observou outro.

Um terceiro usuário do Twitter comentou: “Datena e Bacci neste momento bem tristes por Lázaro não ter sido capturado durante seus programas”.

“Nem Datena, Nem Luiz Bacci, Nem Gottino, Nem Geraldo Luiz: Patrícia Abravanel é quem informa aos brasileiro sobre a prisão e morte de Lázaro Barbosa”, afirmou mais um, comentando que o Vem Pra Cá noticiou o caso.

Cabe lembrar que Lázaro Barbosa, suspeito de matar uma família em Ceilândia, no DF, foi morto em troca de tiros com policiais nesta segunda. Ele foi preso ferido, mas com vida, e morreu chegando a hospital de Águas Lindas de Goiás, no Entorno do DF.

O criminoso estava há 20 dias fugindo de uma força-tarefa com mais de 270 agentes. Aos 32 anos, ele tinha uma extensa ficha criminal, fugiu três vezes da prisão e era acusado de diversos crimes.

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email [email protected]
Veja mais ›