5 nomes que prometem fazer o SBT do futuro

SBT
Silvio Santos, estrela do SBT: quem fará a emissora nos próximos 40 anos? (Imagem: Lourival Ribeiro / SBT) 

O SBT completa 40 anos nesta quinta-feira (19). E, como não poderia deixar de ser, as celebrações sobre o passado glorioso da rede de Silvio Santos dividem espaço com a exaltação das investidas no presente – caso dos direitos esportivos adquiridos recentemente. Mas e o futuro? Quem vai fazer o SBT nas próximas décadas? A coluna listou cinco nomes afinados com a emissora, que demonstram habilidades para voos maiores e posições de destaque na história que começa a ser escrita agora…

Celso Portiolli

Celso Portiolli
Celso Portiolli à frente do Passa ou Repassa; apresentador é sucessor natural de Silvio Santos (Imagem: Beatriz Nadler / SBT)

Neste 2021, Celso Portiolli completa 25 anos na tela do SBT. A celebração envolve também a vice-liderança de todo fim de semana com o Domingo Legal. Celso é, disparado, o substituto ideal para Silvio Santos. Hábil em diferentes atrações, do game Passa ou Repassa às homenagens “estilo Arquivo Confidencial”, Portiolli só não mostrou afinidade com as pautas assistencialistas impostas a ele diante da concorrência com Geraldo Luís, da Record. Que bom! O apresentador faz valer o show, no palco e no departamento comercial. Não à toa, foi o escolhido para a nova versão do Show do Milhão, patrocinada pelo PicPay, com estreia agendada para setembro.

Chris Flores

Chris Flores
Chris Flores no comando do Fofocalizando; experiência e êxito comercial devem guiar caminhos da apresentadora no SBT (Imagem: Bruno Correa / SBT)

Contratada em 2017 para comandar o reality Fábrica de Casamentos, ao lado de Carlos Bertolazzi, Chris Flores acabou integrada ao então controverso Fofocalizando. Cria do jornalismo impresso – envolvida com TV desde os tempos de colunista do extinto A Casa é Sua, da RedeTV! –, Chris conferiu dignidade ao formato marcado pelas polêmicas dos ex-apresentadores, mesmo quando foi obrigada a ler piadas de Ary Toledo ou ouvir a playlist de Silvio Santos… Além do apelo comercial, Chris tem jogo de cintura e vivência, o que a credencia para outras atrações; a apresentadora perfeita, inclusive, para o Vem Pra Cá que Patrícia Abravanel conduz sem entusiasmo e / ou simpatia.

Danilo Gentili

Danilo Gentili
Danilo Gentili, comandante do The Noite; apresentador prima por renovação constante em seu talk-show (Imagem: Gabriel Cardoso / SBT)

O acerto de Danilo Gentili com o SBT se deu em 2014, após o tumultuado distrato com a Band. Foi ele quem, enfim, deu às madrugadas do canal a mesma relevância dos tempos do Jô Soares Onze e Meia (1988-1999). Lamentavelmente, o The Noite padece com a entrega do desgastado Programa do Ratinho e da irregular linha de shows. Ainda assim, Danilo trabalha para manter o programa em alta; a produção do talk-show é, sem dúvida, a que vai além do mais do mesmo. Gentili ganhou notoriedade no CQC – Custe o Que Custar (2008), da Band, onde respondia por reportagens com famosos e políticos. Cabe ao SBT explorar também esta habilidade de conseguir bons depoimentos fora do estúdio.

Dony de Nuccio

Dony de Nuccio
Dony de Nuccio no lançamento do Te Devo Essa! Brasil; jornada no entretenimento deve aproveitar habilidade do apresentador com o jornalismo (Imagem: Beatriz Nadler / SBT)

Dony de Nuccio divulgou em suas redes sociais, por ocasião da estreia no SBT, um vídeo no qual se dirigia a Silvio Santos, em busca de oportunidades. O adolescente que desejava trabalhar no complexo de estúdios da rodovia Anhanguera fez carreira na redação de jornalismo do Grupo Globo, também em São Paulo. Saiu de lá por conta do disse-me-disse na imprensa sobre parcerias comerciais firmadas sem a aprovação da casa. O episódio não diminuiu, em nada, a competência de Dony, que, com o Te Devo Essa! Brasil, deu início à carreira no entretenimento. O formato é pequeno demais para alguém com domínio do “ao vivo” e da notícia. Dony de Nuccio pode e merece mais.

Patrícia Abravanel

Patricia Abravanel
Patricia Abravanel no Roda a Roda Jequiti; afinidade com entretenimento favorece herdeira de Silvio Santos (Imagem: Gabriel Cardoso / SBT)

Entre as filhas de Silvio Santos que se arriscaram na TV, Patricia Abravanel parece a mais engajada. A n° 5 Rebeca Abravanel esbanjou carisma e habilidade à frente do Roda a Roda Jequiti, do qual abdicou para acompanhar o marido Alexandre Pato em jornada no exterior. Ao que tudo indica, Patricia é quem, de fato, vai herdar o trono do pai no vídeo. Mas, para que ela se firme, é preciso “furar a bolha”. O tipo “bela, quase recatada e do lar” que a apresentadora tenta emplacar no Vem Pra Cá não cabe. Falta conhecimento e experiência para Patricia Abravanel em tal formato. Reconhecer isso não é demérito, pelo contrário. O show, como o do Máquina da Fama e do programa Eliana, na licença-maternidade da titular, é que lhe cai bem.

Duh Secco
Duh Secco é  "telemaníaco" desde criancinha. Em 2014, criou o blog Vivo no Viva, repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.
Veja mais ›