Felipe Neto revela fato surpreendente após anunciar vacina

Felipe Neto
Felipe Neto se manifesta após gafe em post no Twitter (Imagem: Reprodução / YouTube)

Felipe Neto falou pela primeira vez depois que a falta de uma vírgula em um post sobre a segunda dose da vacina contra a Covid-19 gerou uma enorme confusão no Twitter. O youtuber contou que até nomes do bolsonarismo replicaram a gafe.

“O bait do ‘tomei porra’ deu muito certo”, revelou em sua rede social. “Até políticos bolsonaristas repostaram, ajudando a levar a imagem da vacinação para milhões de pessoas. Tomei porra!”, repetiu.

Felipe Neto mostrou que o post recebeu mais de 3 milhões e 400 mil impressões e teve mais de 320 mil interações. “A ideia do bait foi da Sofia, ontem eu caí no mesmo bait e falei para ela usar a vírgula. Valeu, Sofia!”, agradeceu.

Em outra publicação, Felipe Neto fez uma música em tom de alegria por ter tomado a segunda dose do imunizante contra o coronavírus. “Já tive que engolir muita porra calado. Agora posso gritar: Eu estou vacinado!”, disparou.

Eleição

Há alguns dias, Felipe Neto ficou insatisfeito quando soube que José Luiz Datena conquistou um número importante em uma pesquisa de intenção de voto para 2022.

O youtuber rasgou o verbo contra a possibilidade, mas não colocou nenhum nome na pauta. “11% dos eleitores brasileiros dizem hoje que vão votar em Datena para presidente da República. Tem hora que a esperança parece realmente inútil para o nosso país”, detonou.

Usuários da rede social reagiram contra a ideia de Datena no Palácio do Planalto a partir de 2023. “O povo vota no Datena e não vota no Ciro, eu tô chocada!”, reclamou um. “Cara, tô quase jogando a toalha… Essa do PT lançar o Zé de Abreu, pra mim como mulher, foi o fim do fiapo da esperança”, lamentou mais um.

“Curiosamente o Datena tem menos a responder, ou se justificar, pro Brasil do que Lula e Bolsonaro… Então como condenar quem quer votar nele?”, questionou um terceiro. “Datena não tem a menor chance. Durante a pandemia [ele] passou pano o tempo todo pra o genocídio de Bolsonaro”, apontou outro.

Confira:

MAIS LIDAS

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].
Veja mais ›